Eventos e Notícias

Confira a agenda de eventos e faça a sua programação.

Voltar para próximos eventos e notícias
    Imagem ilustrativa
Desempenho térmico de painéis de Light Steel Frame

Avaliação comparativa do desempenho térmico de painéis de Light Steel Frame pré-fabricados, para uso em construções modulares

Em cenário de inovações tecnológicas constantes que visam ao desempenho sustentável e atendimento às novas necessidades dos usuários para o conforto térmico em edificações, que resultou, durante os últimos anos, nas revisões e novas exigências normativas para habitações, foi desenvolvida a dissertação de mestrado “Avaliação comparativa do desempenho térmico de painéis de Light Steel Frame pré-fabricados, para uso em construções modulares". Considerada a necessidade de atendimento ao novo arcabouço legal que integra a Norma de Desempenho brasileira atual, o trabalho realizado pelo arquiteto Marcio Bernardo e orientado pela Professora do Departamento Brenda Chaves Coelho Leite, no âmbito do ConstruInova, teve por objetivo contribuir para a evolução do conhecimento relacionado à análise do desempenho térmico de sistemas de Light Steel Frame.

Ao partir de uma oportunidade identificada para o estudo de tipologias de painéis em Light Steel Frame e, com uso racional e sustentável de matéria prima, tendo como premissa definir a relação ideal entre a quantidade mínima de materiais e componentes a serem utilizados na tentativa de garantir conforto, sem prejudicar a viabilidade econômica, o trabalho apresenta resultados relevantes tanto à comunidade acadêmica, como ao mercado. Foram realizados estudos com variações de espessuras, quantidade e composições de materiais, aplicados em três cidades brasileiras com diferentes temperaturas e regimes de insolação - São Paulo, Curitiba e Fortaleza -, o que permitiu definir critérios de avaliação comparativa e concluir as melhores opções para cada cidade, com suas respectivas variações (veja tabela ilustrativa – tipologias de painéis).

O método de pesquisa utilizado foi o de simulação computacional, com o software EnergyPlus, relevante por unir rapidez e precisão para uma avaliação prévia de resultados sem exigir custos adicionais e investimentos em testes físicos antes do momento necessário. “Era muito importante antecipar os resultados, e a simulação prévia comparativa, ainda na fase de projeto, se mostrou segura e eficaz para auxiliar o processo da coleta de resultados e identificação da melhor opção em desempenho térmico”, explica a Professora Brenda.

Entre os desdobramentos do trabalho impactantes ao mercado, figura a criação de um Sistema Construtivo Modular Multifuncional e Reversível que, atualmente, possui protótipo em escala real sendo executado pelo SENAI. Trata-se de um dos 11 projetos escolhidos em âmbito nacional no Edital SESI SENAI de Inovação 2016, sendo o único no setor da construção civil.

“De modo concomitante ao início do trabalho de mestrado profissional no ConstruInova, fui aprovado no processo seletivo do Centro de Incubação de Empresas de Base Tecnológica - CIETEC no IPEN, e fundei uma Startup com foco em inovação. Já com a aprovação na segunda fase do Edital SESI SENAI, passei a participar de feiras e eventos realizados por diversos Centros de Tecnologias no Brasil, sempre atento às possibilidades que o sistema desenvolvido apresenta para inovação escalonada”, conta Bernardo.

A rápida viabilidade de aplicação do conhecimento gerado na dissertação de mestrado para o desenvolvimento de novos produtos na indústria da construção civil indica alinhamento com a postura pró ativa do Departamento no sentido de viabilizar, cada vez mais, a aproximação da esfera da produção acadêmica à esfera das necessidades e práticas do mercado.